TODO PROSA

Minha foto

Escritor, jornalista, roteirista, diretor de tv. Dirigi, apresentei e escrevi para a  TV Cultura, CNT/GAZETA, BANDEIRANTES, MANCHETE,  Rede SESC/Senac,TV Brasil, TV Pública de Angola, TVT-TV DOS TRABALHADORES, GNT entre outras. Editei as revistas RAIZ, TRIP e HV e fui conselheiro editorial da Rolling Stone e um dos criadores do programa METRÓPOLIS da Tv Cultura do qual fui o primeiro apresentador. Fui repórter do Caderno B do JB e tomei parte da equipe fundadora do Caderno 2 do Estadão. No mesmo jornal fui cronista de 1993 a 1998. De 98 a 2001 fui cronista do Jornal da Tarde.  De 1998 a 2005 dirigi, escrevi e apresentei "Literatura" e "Mundo da Literatura" exibido em várias emissoras abertas e fechadas. Sou co-autor das peças "Olho da Rua" e "Quatro Estações". Tenho vários livros publicados como CINEVERTIGEM (ed. Record) e os infanto-juvenis VALENTÃO, O BRASIL É FEITO POR NÓS ?, DIA DE SUBMARINO e FALTA DE AR. Dirigi mais de uma dúzia de documentários e séries documentais para várias emissoras de tv. Publiquei todos os dias durante um ano em www.revistapessoa.com o 365- Diário do Anonimato do Mundo. Uma história por dia. Cada dia um lugar do mundo. Escrevo duas vezes por semana para a revista digital  Dom Total em www.domtotal.com . Estou diretor de conteúdo e programação da EBC- Empresa Brasil de Comunicação.

Seguidores

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

o homem e seus homônimos


Cada homem tem os homônimos que merece. Se ele for um bom geminiano como Fernando Pessoa ele tem heterônimos. Eu, mortal e mau geminiano, tenho apenas homônimos às pencas. Eles vão aumentando em número conforme eu envelheço e já houve tempo que isso me incomodava. Não a idade, mas os homônimos...no entanto já que os tenho aos quilos papai do céu pelo menos poderia me contemplar com homônimos menos malas. Vanessa Rocha Rego,amiga mineira, em tom de chiste, me enviou ontem e-mail dizendo que eu estaria fazendo hoje um show num barzinho na avenida Henrique Schaumann, São Paulo. E eu nem tinha convidado muito menos contado que agora era cantor e compositor. Pois Vanessa sabe e meus milhares(hehehe) de leitores sabem que eu não sou aquele cantor/compositor malérrimo que ostenta como grande galardão de sua carreira ter ganho um festival musical pífio em 2000 na Rede Globo...ei gente!!! eu não sou esse Ricardo Soares não!!! esse que faz show em barzinho hoje...me incluam fora dessa!!! mas , afinal, quem é mais mala ? eu que acho que ele é meu homônimo ou ele que acha que o homônimo sou eu ??? respostas para essa redação ...

13 comentários:

andrea disse...

Oi, olha so, pra desempatar isso precisaria saber quem nasceu primeiro...rsrsrs, bjs andrea

Rego disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Claudia Fernandes disse...

Não dá p saber ao certo.
Ele eu não tenho a menor idéia de quem seja. Mas vc acabou de ser meio mala com ele sim. Convenhamos...
Só falou o lado podre do cara. Hehehe...
Você perguntou. Como tb sou uma Rego, me arvorei ser uma "quase" amiga e só fiz responder... Não me leve a mal, tá? :o)
Bjo...

Vanêssa Rocha Rêgo disse...

Eu prefiro ocê! Pelo menos é um mala que se pode mexer, vasculhar, reclamar, rir... fala sério, o outro num deve cê dos bão não, nem sei sua cara, nem sei a cor da sua voz, mesmo se dizendo um cantor.
Vamo comemorar com a branquinha!
Beijim prô cê, viu?!
Vanêssa, a dita cuja mineirim

picutta.c disse...

Aqui em BH tem um repórter Ricardo Soares. Faz externas p/ o MG TV (jornal local).
Mas nem de longe é = a vc. O cara é Mauricinho e fraco no q se propõe a fazer.
Coitado, um dia ele aprende.
Bjs.

Anônimo disse...

Achei no mínimo uma falta de classe desmerecer o trabalho de um jornalista local porque é homônimo de outro, que trabalha ou já trabalhou sei lá onde. Olha, este Ricardo Soares que vc está criticado aqui de BH é um excelente profissional e trabalha na Globo Minas por pura competência. Felizmente é uma pessoa que conheço e admiro e não posso deixar uma pessoa desavisada critícá-lo, principalmente sem conhecê-lo! Vamos ter postura, gente!

Para o outro Ricardo Soares, acredito que também seja um bom profissional e uma boa pessoa. Mas desmerecer seus homônimos...

Ricardo Soares disse...

não sei de onde o nobre anônimo tirou a informação de que eu critiquei o repórter homônimo da globo minas...quem o criticou se o anônimo leu direito foi uma leitora...eu não desmereço ninguém ...apenas preservo meu senso de humor... critiquei sim o homônimo vencedor do festival da globo porque a música dele é muito chata...pois anônimo, passe a informação correta o seu amigo ricardo soares mineiro!!! agora se esconder no anonimato e dizer que o repórter global é bacana comparado a mim "que trabalha ou já trabalhou sei lá onde" isso sim é falta de postura...e também falta de classe... não estou me comparando com ninguém meu filho... apenas dizendo que tenho um homônimo mala ... ao de minas não conheço e quem o critica são as comentaristas mineiras do blog... logo ele não é unanimidade né???

Ricardo disse...

Falou, querido. Já eu admiro seu trabalho desde os tempos da TVS. Infelizmente eu só te conheci depois daquele pífio evento global, senão eu poderia ter evitado esse imbroglio. Acredite, é horrível receber um monte de email de malas que pensam que eu sou jornalista da Rolling Stone... Ponha a culpa no Luis Carlini que me acompanhou no evento e não fez questão nenhuma de tocar com um "Ricardo Carvalho", por conta desse sobrenome. Agora, barzinho não, por favor, era o Clube Caiubi, curado pelo Zé Rodrix, frequentado pelo Tavito, Gerson Conrad, Renato Teixeira e mais um punhado de novos compositores que você provavelmente não vai ouvir porque não interessa à linha editorial. Enquanto isso, boa audição dos discos da Deck, Arsenal...

Abração

PS.: Tem mais um cartunista, um guitarrista de gospel metal, um capitão do BOPE, astro do ônibus 174. Ricardo Soares é o novo Zé da Silva...

Monika disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
BustamantePoeta disse...

Caracas!!!

Esse "RICARDOSOARESFUIQUASETUDODEOLIVEIRAUMDOISTRÊSQUATRO" é um caixão sem alças. Ô egozinho malandro!!!

Entre os homônimos, claro, fico com o talentoso Ricardo Soares - O Poeta do Rock'n'Roll!!!

Luciana Farias disse...

EI!!!!

Ricardo Soares (o músico) é um cara legal e pra lá de competente. E o tal "barzinho" é uma casa onde se toca música autoral da melhor qualidade. Infelizmente a maioria do pessoal está fora da mídia, e quem sai perdendo são as pessoas que não têm oportunidade de ouvir trabalhos sérios, inéditos e maravilhosos.

Às vezes é legal conferir antes de falar...

Anônimo disse...

Caro jornalista,
Pela maneira como você se referiu ao compositor só por ser seu homônimo ja deu pra sacar quem é mais mala.
Você. Por se considerar mais importante que um compositor só por ser criticuzinho de coluninha de de revistinha de nicho .
Egornalista tem aos montes, seja diferente ao menos na atitude porque realmente aí você se destacará e poderá vir a ser até mais decente que o Ricardo Soares, compositor.
Um compositor não tem obrigação de ser melhor e por isso não ataca gratuitamente. Um compositor tampouco tem obrigação de compor só o que o crítico gosta.
Agora, você, tem que escrever o que seu diretor de redação quer porque senão ele te frita rsrsrsrs.
Mas estive reparando no teu currículo e percebi que atualmente você dirige documentários pra TV Cultura - além de traço no caráter e no IBOPE você é frila eventual. Conselheiro da Rolling stone, justo, significa que amigo de alguém lá. O resto do teu currículo é fui isso, fui aquilo, fui, fui, fui
Afinal o que você é hoje à ponto de ser confundido com um "maléééérrimo" compositor ( Na tua opinião)?
P.S. Não vou assinar esse email porque acho que tem caroço de angu na tua fúria, mas só pra esclarecer, sou amigo e admirador do Ricardo Soares compositor, analista de sistemas, designer, pai de família e grande cozinheiro que você acaba de atacar gratuitamente só por ter nome igual ao seu. E você sabia que ele trabalha numa revista que tem só 150 vezes a circulação da sua? te contei heim?
P.S.2 Como ja vi que tem comentário excluído ali do lado, você vai escluir o meu né? Jornalista que escreve "galardão"...rsrsrsr

Anônimo disse...

Caro Senhor,
Sim. Vou trata-lo de "senhor", pois minha mãe me ensinou que com gente mal educada devemos abusar da boa educação. E o que o "senhor" acaba de postar não passa de um juizo de valor pobre e mal educado.
Devo esclarecê-lo que o seu homonimo é um dos melhores letristas que já conheci e o "barzinho" ao que o senhor se refere é o movimento musical mais importante em defesa da música independente já visto nesse pais. E ainda que no proximo dia 27 de março completatá 6 anos de vida! Acho que não é pouco, nem é pouco o serviço que o Caiubi (e seus compositores!) tem prestado a nossa musica. Coisa que o senhor e a revista que "aconselha" não vejo fazerem.
No título do seu Blog o "senhor" se diz diretor de TV, escritor e jornalista. Bom, acredito que nas três profissões que se auto-intitula a pesquisa dos fatos é uma chave fundamental. O "senhor" cometendo tamanhas gafes e equivocos em seu pequeno texto me fazem questionar sua qualidade profissional. Devo confessar que não o conhecia, mas agora nem o desejo depois de tamanho papelão. Afinal, juizo de valor sempre vem acompanhado de preconceito e ignorância. Coisas que aprendi a abominar.
Feio. Muito feio. Um insulto desnecessário ao Ricardo e aos frequentadores do Caiubi. Inclua-se aqui Tavito, Zé Rodrix, Lulhi, Lucina, Paulinho Tapajós, Celso Viáfora, Alzira Espindola, Roberto Mendes e outros tantos que encheriam seu blog de brilho e cultura musical apenas por serem citados. O "senhor" os conhece???
Espero que sim. Pois então nem tudo estará perdido para um homem de "tamanha" importância e educação como o "senhor".
Muito Prazer, viu.
Argh!!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivo do blog