LIÇÃO DE AUTO-ESTIMA

Em São Paulo a revista Época dessa semana circula com um fútil suplemento encartado onde 30 celebridades ( a maioria inócuas) apontam os seus lugares preferidos na cidade. Uma delas é Constanza Pascolato uma dama que sempre está em todos os lugares e listas embora nunca se saiba a que tenha vindo ou o que tem de interessante a declarar. Constanza, suas roupas ridículas e seu visual Mortícia Adams foi nomeada, sabe-se lá por quem , sinônimo de elegância. Para mim representa sinônimo de empáfia, arrogância, antipatia, frescura e afetação. Até aí morreu Neves. O que realmente me impressiona nessa senhora é sua auto-estima superlativa. Ela se tem em alta conta e não se constranje em se exibir em público com óculos risíveis e roupas bizarras exibindo sandálias e pés horrendos como pode notar qualquer leitor que tenha tido a má sorte ( como eu) de ver o encarte de Época dessa semana. Constanza para mim tem um único lado bom. Toda mulher que tem problema de auto-estima deveria mirar-se nela e sair às ruas sentindo-se uma deusa. Afinal se Constanza com seu visual se acha o máximo porque você mulher mortal não pode se sentir da mesma forma ?

Comentários

K. disse…
Estou eu aqui, ouvindo o DVD da Pitty (sim, reconheço meu lado teenager), quando venho ler seu post da senhora super auto-estima. O cujo (palavrinha feia essa..rs) refrão da música diz:

"Queimem as bruxas
Deixa Queimar..."....


o que você diz???

a música combina com o post???


hahahahah...

ai meu Deus do céu.....juro que é verdade! rs

ótimo post...
rindo sozinha aqui!!!!

não vou comprar a Época..rs... vai que eu tenho uma súbita crise de Constanza Pascolato????

melhor não arriscar! rs

beijossssssssssssssss, boa semana pra vc tb!
Walter Carrilho disse…
Meu Deus, falou tudo, Ricardo. Gostei da paulada. Ela e a Danuza Leão deveriam afundar abraçadas na própria desimportância. Eu até pensei em zoar com a bruxa dos pés horrendos, mas ela é tão vazia que nem consigo fazer piada. Cruzes! abs.
Nao conheco a senhoura... mas uma coisa estou certa:

Que morra a ditadura da beleza !!!!

Hoje mesmo estava comentando isso com meu marido. Tem algo que admiro muito na mulher inglesa e muito mais ainda nos homens ingleses. Aqui nao se da muita bola para a aparencia nao. Nem as mulheres se cobram tanto e nem os homens exigem tanto das mulheres, como acontece brutalmente no Brasil.

bjs e bom domingao !
Lys
Sig Mundi disse…
aqui em Moscou iria ser mais uma "comum" andando pelas ruas... sem nenhuma nocao de ridiculo! bjs!
leve&solto disse…
Tudo a ver a Pitty por aqui... trilha sonora do post!!! rs

Auto-estima não depende da indumentária... e sim da cabeça. Porém acho legal uma mulher vaidosa, que tenha seu próprio estilo, sem ser ridícula claro!
A mulher em questão, pra mim, não tem nenhum exemplo a dar em termo de moda. Odeio o jeitão "sei tudo e sou o máximo" dela.
Quanto aos pés, sorry meninos, mas nunca olhei...rsrs
Ótimo post pra domingo... tô aqui gargalhando!!

Bjs

Mara
Luciana Carvalho disse…
Vou colar uma foto dela na porta de meu armário, toda vez que olhar vou pensar " Se ela pode eu posso". Só que corro o risco de ter pesadelos, pq a fulaninha é feia pra danar.

Bjs
J disse…
eu já tenho um exemplo pessoal de força e auto-estima, gordinhas flácidas que usam calças saint tropez e mini blusas, ui, looshoo.
Anônimo disse…
sou sua fã além da conta e há muito tempo... jamais teria coragem de abordá-lo ou te incomodaria... mas preciso dizer que o que mais prezo em você é a independência em abordar assuntos e pessoas sobre as quais a mídia não fala ou ,quando fala, é para bajular. Não encontro outra sensação mais leve do que nojo quando vejo essa dona Pascolato , metida, vazia, inatingível. Nunca vi ninguém esculhambar essa senhora e nem outros ícones que você desmonta aqui. O barão de Itararé teria orgulho de você como eu tenho pois uma vez há muitos anos trocamos impressões na Bienal do Livro e você pareceu ser muito critico em relação a si mesmo. Estavam te bajulando e você se incomodava. Adorei ver isso. Não estou te assediando pois se assim estivesse deixaria e-mail , nome, endereço. Tenho por você profunda admiração e sou uma mulher bem casada que administra muito bem suas fantasias. Você faz parte de algumas delas . Mas de forma casta. Pois tenho tesão em cérebro e não em musculos. Que mulher alguma tenha ciúme do que lhe digo pois só quis denotar aqui minha admiração. Uma fã que era de São Paulo e se esconde em Tocantins...
rm disse…
Aí Ricardão (rs), faturando à distância já, heim cabolclo? Esse negócio de blog é bão, rapaz...

É uma pena, mas não consigo mais tempo pra frequentar e "palpitar" na blogosfera brasileira.

A foto não está aparecendo, não tenho como avaliar as "chulapas" da dona. Mas o Nelsinho Mota não foi casado com essa? Sempre tive boa impressão dela mas vai ver não tô associando bem o nome aos pés, né não?

Uma moça fez um comentário interessante sobre o humor negro britânico, mas tem razão quanto ao exagero a que estão submetidas as mulheres brasileiras.


Um abraço, prezado.
Aline T. H. disse…
Enfim alguém pra falar dessa mulher horrenda, gente. E tinha que ser mesmo vc, rs.

Acho-a digna de V.A. Sinto mesmo vergonha por ela, é ridícula. Mas vc tem toda razão: se uma coisinha dessas pode sair às ruas desse jeito, qualquer mulher com problema de auto-estima já tem em quem se espelhar...

Beijoca.
Anônimo disse…
Olá,
Sua fã de carteirinha está de volta. Fiquei um tempo sem fazer meus comentários, mas é impossível ficar sem opinar diante de assuntos tão interessantes.
Vamos ao post em questão. Será que a tal senhora se olha no espelho e não percebe o quanto é ridícula?
Tenho pena de pessoas que para aparecer se sujeitam a pagar micos ou gorilas todos os dias.
Nunca fez nada de importante, apenas participa de chás com as madames, finge que entende de moda e fica insistindo em mostrar sua cara esquisita em algum lugar na mídia.
Ela é tão superficial que parace uma escultura de cera.
Bjs!!!

Ps: Mostrei seu blog p/ Tilinha. Ela não entendeu nada, mas do jeito dela achou interessante.
Sig Mundi disse…
Pois é, costumo dizer que se sou eu, uma cidadã comum, vestida com essa roupinha o que diriam? Já estou vendo minha foto numa daquelas revistas que colocam "certo" e "errado". Como por exemplo: os pinduricalhos brigam com o brilho do vestido. (A frase mais falada pela senhora em quetão é que menos é mais). A calça não seria mais apropriada para a academia de ginástica? E os pés deveriam estar cobertos e não com essa aranha a mostra. A bolsa é de viagem ou pra se enfiar dentro? No recinto há sol ou será que está com conjuntivite? E assim vai...
As pessoas que não tem o que fazer inventam regras pra uso de roupas e etiqueta, isso não pode, aquilo é proíbido... odeio a "Constancia Paspalhata"
bjs, andrea
Anônimo disse…
[color=#aadd99]Музыкальный ансамбль [url=http://dejavu-group.ru/svadba.php]Dejavu-group[/url] - это коллектив дипломированных вокалистов и музыкантов на праздник.
[url=http://dejavu-group.ru/index.php]Deja Vu[/url]- лидер в области организации и проведения музыкальных мероприятий, свадеб, юбилеев.
В репертуаре ВИА Deja Vu около 3 тыс. произведений.
Живой звук. Ждаз, ретро, хиты 70-80-90-х, диско, поп, шансон, фоновое сопровождение .
Музыкальная группа Deja Vu обладает мощной качественной аппаратурой, позволяющей заполнить приятным уху звуком как компактное помещение (фуршет), так и огромное пространство (корпоратив до тысячи человек).

Андрей +7 910 483 8294 [/color]

Postagens mais visitadas