RUBEM BRAGA E O RIO

Acabei de ler a biografia de Rubem Braga ( UM CIGANO FAZENDEIRO DO AR) escrita pelo meu colega Marco Antonio Carvalho que faleceu precocemente em junho do ano passado pouco tempo antes do lançamento do livro que por sinal é muito bom . Voltarei ao tema e ao Marco Antonio mas hoje só passei aqui para dizer a respeito disso que para se entender plenamente o que era Rubem Braga e o que é essa biografia é preciso estar no Rio de Janeiro e observar a paisagem e os lugares citados à exaustão. Rubem, o mais carioca dos capixabas, era de Cachoeiro de Itapemirim como o Marco Antonio e o rei Roberto Carlos. Com a licença do duplo lugar comum eu diria que se o Rio de Janeiro é um estado de espírito o Rubem Braga era outro estado de espírito que , aliás , combina plenamente com a cidade que hoje chuvosa continua maravilhosa com todos os seus percalços , suas balas perdidas e meu celular perdido dentro de um táxi e que jamais será devolvido.

Comentários

Adoro Rubem Braga e já estou pra ler essa biografia faz tempo, agora com mais vontade. ;)

bjimm
Andrea
Helena disse…
Ola Ricardo!
É Helena do "Rasgos de Cor", não conheço Rubem Braga, mas se encontar por cá alguma coisa dele vou ler ... abriu-me "o apetite!"
Tenho pena que o seu carro tenha sido roubado, deve ser improvável vê-lo por estas bandas,mas nunca se sabe! Aliás o mundo é bem mais pequeno do que aquilo que julgamos!Se o vir eu "apito" Ah Ah Ah!
Beijos e até um dia!
Salve Ricardo.
Rubem Braga é uma das minhas dívidas comigo mesmo. Mas vou achar um tempo aqui pra lê-lo.
Abraço
Carol Rocha disse…
Você não anda com muita sorte, hein? Mas ficar alguns dias sem celular, desligado do mundo, não é má idéia...
darsh. disse…
A primeira coisa que li do Rubem Braga foi aos 10 anos, numa coletânea de várias crônicas dele, Paulo Sabino, etc. Adorei.

Todo ano em Cachoeiro tem a Bienal do Livro RUbem Braga, pena que fica longe de onde moro, queria tanto ir.

Beijos!
Patty Diphusa disse…
Quero ler essa biografia. Entrou para a lista.

Sem celular? Sem o carro?
Quando começa a acontecer uma série de coisas assim comigo eu fico ligada se não estou em momento de reviravolta braba.

Beijos
toda pura disse…
Se me permite, gostaria de aproveitar essa sua manifestação de amor ao Rio (cidade que já traz alegria no próprio nome...)para dar uma dica de programão: Ronca Ronca, sábado, no Estrela da Lapa.
Para quem não sabe, Ronca Ronca é uma festa famosa desde os 90's, comandada pelo super DJ Mauricio Valadares, que coqueteleia Janis e Brown, passando ainda, de lambuja, por Erlon Chaves(!), REM, Stones e BNegão.
Não fosse o bastante, amanhã ainda terá a tropicalista presença de Jards Macalé (tudo a ver!!)e a poética participação de Vulgo Quinho e os Cara, banda de Omar Salomão, filho do saudozérrimo Wally.
Sorry periferia. E olho vivo que cavalo não desce escada...

Postagens mais visitadas