QUINHENTINHO E DESPEDIDA 2008

Não planejada coincidência começo escrever minhas últimas linhas de 2008 nesse blog quando noto que se trata do post 500 ! Uauuuu...além disso é um post 500 escrito na véspera do Natal o que provavelmente será um presente de grego para o amável leitor. São três e meia da matina estou no bairro Santo Antonio em Belo Horizonte onde cheguei ontem no fim da tarde vindo da casa dos meus primos em São Carlos e da casa da minha filha em Ribeirão Preto. Escrevo do computador da minha sobrinha na casa da minha irmã Ana Regina . Mais tarde minha outra irmã ( Ana Lucia , autora do blog "Arte e Efeito", aqui linkado) se juntará a nós e as famílias delas junto comigo atavessarão mais um desses rituais consagrados e (quase sagrados ?) a que chamamos Natal. Nós aqui em Belo Horizonte e milhões de outros seres humanos emburrecidos pelo consumismo e pela insensibilidade em muitos lugares do planeta. Mas não vim aqui depois de longa viagem ( pagando pedágios absurdos e numerosos na Mg-050) para empanar o brilho da festa natalina de ninguém. Não vim aqui dizer que ontem passei pela linda usina de Furnas e me admirei com a engenharia da obra. Não vim aqui dizer que perdi a capinha da minha máquina digital. Não vim aqui dizer que o governo do provecto Aecinho Neves concedeu a uma empresa que ironicamente se chama "Nascentes das Geraes" o direito de cobrar oito pedágios de São Sebastião do Paraíso até a mg-050 desembocar na Br-262 ( menos de 400 km) oferecendo em troca uma estrada de merda .(Desculpem mas não há outro termo pra definir nem essa estrada nem essa industria do pedágio, um empreendimento do tucanato nacional) Não vim aqui pra dizer nada disso apenas pra me despedir com um post pueril de todos aqueles que prestigiam esse espaço. E para avisar a todos vocês que apesar do meu desalento, algumas vezes aqui manifestado, eu não desisti. Nem do blog, nem de protestar , nem de achincalhar o nosso "cordeirismo" brazuca que deveria se espelhar as vezes no orgulho do povo grego e ter mais vergonha na cara muito embora eu deplore a violência coletiva ou individual. Mas sou assim mesmo. Paradoxal como o ano que está indo embora. Contraditório como todos aqueles que não tem opinião formada sobre tudo. Tem hora que eu canso muito mais do que dirigir horas a fio um jipe duro em estrada ruim. Eu canso de tanta idiotia, tanto consumismo cego e frenético espalhado pelos olhares de bois e vacas sonsas que se julgam felizes pelos shoppings. Canso de ver o planeta cansado e de ver o meu , o teu , o nosso passado ser soterrado como uma tragédia catarinense. Mas apesar de tudo vou encerrar o post "quinhentinho" com um sopro otimista. Não por culpa cristã porque Cristo já deve ter desistido da gente. Encerro com um sopro otimista porque ainda são muito mais numerosos aqueles que ajudam nas tragédias como as de Santa Catarina do que aqueles vermes rastejantes que roubam donativos. Eu acredito que a cauda da bondade humana apesar de cortada ainda pode se regenerar. Ainda creio em mim, creio em ti, creio nas minhas curtas férias que não serão em Parati. Depois daqui ( BH) me mando pra Serra da Bocaina e volto ao circuito Rio -Sp até dia 7 de janeiro no máximo. Minha ausência preencherá uma lacuna. Mas eu pretendo voltar. Feliz 2009 para quem puder ... e espero que todos possamos. Beijos e abraços estalados.

Comentários

Di disse…
Eu tb acredito que a bondade humana pode se regenerar.

Boas festas!
Anônimo disse…
Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial. Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão. Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com um outro número e outra vontade de acreditar que daqui para diante vai ser diferente (...) Carlos Drummond de Andrade

Trilhões de felicidades e sucessos pra ti e os teus!

Angelo - Grupo Letraviva / Guarulhos-SP
Marcio Gaspar disse…
natal é bacana quando se é criança ou se tem criança. depois resta pouco, além da hipocrisia do rancor, da tristeza, ou do sentimentalismo barato e forçado. e isso sem falar do patético e histérico frenesi da comilança e do consumismo, que já apagou qualquer vestígio do motivo original da data. por isso, não desejo feliz natal; mas sim, um excelente 2009 pra você, ricardo.
Edna Federico disse…
Amigos,

Que Jesus se faça presente em cada lar, em cada coração e em cada ceia neste Natal.
Beijos
leve&solto disse…
Pra variar você arrasou com seu texto "500".

Nem comentei o outro post sobre pedágios justamente pela raiva a respeito. Fiquei 8 dias viajando quase 3.000 km a trabalho, imagine o tanto de pedágio que passei, das estradas (nem todas) em péssimo estado... Tô até com dó do meu carrinho, tadinho!! rs

Em relação ao Natal, estou mais ou menos como o Márcio, prefiro torcer pelo um ótimo 2009!
Claro que mais tarde vou pra casa dos meus pais, mas, família pequena, meus pais que ficam doidos para servir logo a ceia para irem dormir...rs Fazer o que né?! Mas que eu preferia ficar quietinha com meus filhos aqui em casa, sem muito alarde... ahhh e como gostaria!

Beijo grande pra vc e filhos. Que Deus abençõe você e principalmente sua cabecinha criativa e suas mãos para escrever mais e mais coisas bacanas e inteligentes para todos nós!

Mara
Parabéns pelo post 500, um bom natal e um 2009 melhor ainda, com muitas realizações e novos textos.

Abração
Carol Rocha disse…
2008, ô ano difícil!!
Conto as horas para acabar. Tenho muuuita esperança em 2009.

beijo!
500 beijos para vc!!!
Adorei passar a tarde com vc e matar a saudade (10% dela, pois uma tarde só não foi suficiente!!)..
Boa viagem, aproveite bastante e até a volta!!
Te vejo em janeiro, em sampa!!
Também gosto muito de você, viu??
Feliz 2009!!!!!
MAETOMBADA disse…
ola querido. é a karine do ceará alexadri....? tudo bem contigo? sempre acompanho desde há muito o que fazes. e gosto mesmo...felicidades e leves iluminações na literatura sua de todo dia... besososssss
Parabens pelos 500 e que venham mais 500, pois que os daqui valem a pena.
Silvia disse…
Auguri Ricardo! Grazie per essere passato dal mio blog...

Buon 2009! A presto :)
Mila disse…
Te desejo um excelente 2009!!!!
Beijos Mila
Line disse…
Não sei nem o que falar sobre o seu post... Você escreve muito bem! Foi um belo post 500... rs
E vamos ter esperanças de que 2009 seja um ano melhor que este que está no fim...
Até 2009 ;*
Edna Federico disse…
Que 2009 lhe traga sentimentos, momentos e pessoas boas!
Beijo
Tania Celidonio disse…
ric dear, que suas férias no meu paraíso bocante tenham sido muito gostosas e revigorantes. As minhas montanhas desta vez foram outras, mas igualmente lindas, com direito a neve, frio e calor. Este ano vamos voltar juntos à Bocaina, né mesmo?
beijitos
ANA LÚCIA disse…
É isso e mais um pouco. Mas recomeçar é preciso, com os erros e poucos acertos do nosso país. Feliz 2009 para todos!...
500 textos bem escritos, continue para chegar a 1.000, 5.000, 10.000.....
Abçs,
picutta.c
Kelsen Bravos disse…
Valeu, Ricardo!

O otimista é aquele que nada tem a parder.

Que em 2009, todos os teus melhores se realizem!
Percival disse…
ele voltou,
e vai preencher o vazio
com o peoplewatch clube dos picapaus na sua metalinguagem de ver te sem binoculos e tu sem oculos mas ele atraves da vidraça da manhã quetionando:
acordo este folgado? so porque postou ate as 3 da matina nao vou deixar te folgar.
Ja que voltou..........

Postagens mais visitadas