CADEIA DEMOCRÁTICA ?

Essa senhora acima, rica e famosa, amiga e fornecedora de futilidades às celebridades é a tal Eliana Tranchesi, dona da boutique Daslu um monumento à breguice erigido ali do lado da marginal do Pinheiros em São Paulo. Essa senhora pede foro especial porque está doente de câncer e julga desumano ficar detida em tal condição. Essa senhora escreve bilhete de próprio punho dizendo querer ficar livre "pois não constitui perigo para a sociedade". Todos argumentos muito relativos. Se um negro mal ajambrado , mal vestido e com câncer entrasse na fabulosa loja dessa senhora onde são vendidos milhões em mercadorias contrabandeadas não seria julgado um perigo para a sociedade por ela mesma , seus seguranças e suas dasluzetes antes mesmo que tivesse direito de se explicar ??? Essa senhora foi condenada a cana brava com pena de 94 anos. Sabemos que cabe recurso e que a pena máxima no Brasil não passa dos 30 anos. Sabemos que essa senhora , seu irmão e outros elementos envolvidos nos contrabandos tem os melhores advogados. Mas não posso deixar de admitir um sentimento mesquinho que me dá inegável satisfação em saber que essa senhora vai dormir numa cadeia comum, numa cela comum. Uma satisfação em imaginar que a cadeia no Brasil possa ser democrática pelo menos por alguns instantes. Que serve pra ricos e pobres, para negros, indios , mamelucos, mulatos , orientais , cafusos e brancos. Dá pelo menos para antever um gostinho em experimentar como seria viver em um país sem impunidade. Durma bem dona Eliana...

Comentários

Groo disse…
Pois é, Ricardo, e eu me lembro que a inauguração desta loja gigantesca da Daslu contou com a ilustríssima presença do então governador de SP, o Alckimin (cortou uma fita vermelha de inauguração), a primeira-dama e se não me engano a filha do governador até descolou um emprego por lá.

No mais, assino embaixo tudo o que escreveu.

Apenas cito o seguinte: "não constitui perigo para a sociedade". Ora, ela é contrabandista! Quantos empregos de pais de família ela não tirou?

Durma bem, dona Eliana! Quem sabe a Hebe não faça uma manifestação...ou os "cansadinhos"?
Sayonara Moreno disse…
Uauu!!
Perfeito post!!!

Pois é, né?!! como seria viver em um país sem impunidade?!
rsrsrs

abraços!!
Armando Maynard disse…
Nossa democracia de fraldas sujas, começa a fazer a higiene, apesar de ainda exagerar no talquinho.
Marcio Gaspar disse…
seria muito bom viver num país sem elianes tranqueiras...
Camila Silva disse…
Embora eu concorde com tudo que você escreveu, acho inaceitável que uma idiota que faça contrabando pegue mais tempo de cadeia do que um monstro que mata e estupra crianças inocentes por ai, e isso quando conseguem prender esses tipos de canalhas.Deve ser porque nesses casos, o governo não é diretamente afetado, mas sim o povo que ainda pensa que o governo se importa com o pobre cidadão brasileiro,tão carente de justiça.

Postagens mais visitadas