DEVASTAÇÃO TOTAL NA GRANJA VIANA

Desde que esse blog existe tenho falado pouco da Granja Viana que é o lugar onde eu moro, nas cercanias de São Paulo, e que vem sendo sistematicamente destruído pela especulação imobiliária, ganância, boçalidade e espírito predador de gente que só visa lucro. Recentemente falei aqui da vizinha que mantém canis irregulares que foram tema de reportagens do CQC e da Veja Sâo Paulo.A Granja Viana vem sendo motivo de dissabores para muitos que aqui vieram morar em busca de sossego , menos ruído, paz e áreas verdes. Mas que áreas verdes mesmo ? elas tem sido destruídas sem dó o que sem dúvida é um verdadeiro tiro no pé de setores corruptos das prefeituras de Carapicuíba e Cotia que são os municipios onde está localizada boa parte da Granja Viana. Me explico : enquanto as inoperantes autoridades desses municipios permitem toda sorte de irregularidades acabam afugentando os moradores mais conscientes interessados em qualidade de vida e desenvolvimento sustentável e atraindo mais aquele tipo de morador mais preocupado com consumismo e um pseudo- status que seria morar na Granja. Ou seja . Os próprios especuladores estão vendendo um verde que nos tem tirado todos os dias. Ganham no curto prazo mas perdem a médio e longo prazo pois daqui a pouco poucos vão querer optar pela região como sinônimo de bem estar e bucolismo. Exemplo é o escandaloso desmatamento de toda a mata nativa que ainda restava na já depenada avenida São Camilo. Ali na altura do número 1020 vocês podem se deparar com a devastação acima patrocinada pela tal Alphaville ( placa abaixo) que vende a cultura do muro baixo, gramado com cães de raças e ruas largas para os carros passarem velozes. "American way of life" sem nada de verde. Não foi isso que eu vim buscar na Granja. Mas para nosso horror Alphaville chegou para nos tirar o pouco do que nos resta. A partir dessa segunda eu me ausento por 10 dias rumo a Aracaju ( onde vou a trabalho trabalhar nas transmissões das festas de São João) e na volta temo não encontrar mais nada de verde. Uma pena esses seres humanos mesmo. Fugimos de São Paulo e trazem São Paulo até nossas ex- verdes portas.

Comentários

Martha Nader disse…
Ricardo, será que essas "autoridades" tem lotes dessa incorporadora por acaso?!?

Postagens mais visitadas