O DIA PASSADO, CINQUENTA ANOS

Por estarmos diante de muita realidade e pouca imaginação, diante de muita estrada e pouca viagem, defronte a muita informação e pouco conteúdo é que deploro o fato de estar fazendo 50 anos, pois o recheio se esvai na massa oca da alienação. Tantas palavras em frases soltas , tanta comida rápida e pouca refeição, tanto açúcar mas pouco afeto, tanta entrega veloz, pressa inimiga da perfeição. Pouco tempo de mastigação das alegrias e dos delitos. Faço 50 em meio à turbulência de mais perdidos do que achados, acho tantos terminais e poucas pistas de pouso e acumulo desalentos. O que se escreve não se cumpre, o que se planeja não se alcança, o que se almeja não nos faz avançar.
Há pouco hangar para tanto avião voando, pouco porto para tanto navio, muitos carros para poucas ruas, excesso de combustível, de atrito, de tributação. Queria lírica a minha lira dos cinquenta anos mas se minha alma padece como é que o coração aguenta ?
Há muito dente do siso para pouco juízo, muito surfista para pouca maré, muito óleo sujo para pouca onda. Os tempos são outros e ensaiei palavras infelizes para os meus 50 anos. Agora me deparo só num vôo entre Rio e São Paulo e provavelmente as cadeiras vazias ao meu lado representam os que perdi.Fui achado por outros mas não tenho coragem de a eles dizer : "eu também estou perdido, querendo ser achado".Um arremedo de ancião querendo mudar de lado.

Ricardo Soares, 8 de junho de 2009, 17 e 57 minutos, vôo 1545 da Gol, entre Rio e São Paulo.

Comentários

Manuela disse…
Post significativo...


e que venham mais cinquenta!


Felicidades tio, você merece.

bjs!
K. disse…
Querido Ricardo.

Muitas brincadeiras, boas palavras e leituras nesses praticamente dois anos, que acompanho esse blog.
E sempre tenho o mesmo pensamento: que ótimo que você está aqui.

Não ouse querer mudar de lado quando há tanto ainda há ser feito. Não seja preguiçoso cara pálida! :)

SUPER ANIVERSÁRIO PRA VC. 50 ANOS DE MUITA VIDA.

Um beijo grande e o desejo de muitos outros momentos felizes de uma amiga, que apesar de sempre distante, lhe admira e gosta muito de vc.
Toda Pura disse…
Baby,
foi você, agora, o imã que me fez, mais uma vez, buscar pelas prateleiras as palavras que há muito não lia, mas que lembrava cúmplices de seu momento assim... sombrio. Achei-as, e obrigada por isso:

"Nós, poetas e amantes
o que sabemos do amor?
Temos o espanto na retina
diante da morte e da beleza.
Somos humanos e frágeis
mas, antes de tudo, sós.

Somos inimigos.
Inimigos com muralhas
de sombra sobre os ombros.
E sonhamos. Às vezes
damos as mãos àqueles
que estão chorando.
(os que nunca choram por nós)

Ah, meus irmãos e irmãs...
Ai daqueles que nos amam
e que por amor de nós se perdem.
Ah, pudéssemos amar um homem
ou uma mulher, ou uma coisa...
Mas diante de nós, o tempo
se consome, desaparece e não pára.

Ouvi: que vossos olhos se inundem
de pranto e água de todo o mundo!
Somos humanos e frágeis
mas antes de tudo, sós"

Hilda Hilst
50ntinha? Ora,que venham outros 50!

E é geminiano. Como Bob Dylan, Chico Buarque...estamos em boa companhia!

Pode ter ensaiado palavras infelizes, mas foram ótimas. Gostei muito.

abs, Ricardo! Parabéns!
CRONISTA disse…
Como escreveu Pessoa: tudo vale a pena... Haha.. Relaxa, a dor vai passar!

Abraço!!
leve solto disse…
Chegando um pouco atrasada, mas com muitos bons pensamentos em relação ao mais novo cinquentão da blogosfera...

Ric, se vc tentou ser cítrico em relação à nova idade alcançada, não conseguiu!

Texto complexo, porém muito transparente...

Seja feliz sempre!!!

beijo grande
PARABÉNS!
EXCELENTE NOVO ANO!
DIVIRTA-SE!
50?...Nossa! Do meu ponto de vista você está "uma criança"...rsrsrsrsrs (faço 60 no fim do ano)...
"Embora tenhamos que morrer, o ser humano não foi feito para morrer, mas para (re)começar" (Hannah Arendt).
BJS!
Udi disse…
Feliz Aniversário!
Solidariedade de quem já passou pelo mesmo momento há 6 meses. Mas dá prá dizer que ainda há também muita luz prá brilhar, como brilha esse texto.
bj
Marcio Gaspar disse…
welcome to the club, my friend...
Lalo Arias disse…
Caro companheiro em gêmeos,
Feliz meio século!
Acredite: já passei por isto e é um tantinho dolorido. Mas continuemos com a indignação e as palavras como forma de resistência!
Em sua cronica poética (por que não?) você cita "queria lírica minha lira dos cinquenta anos". Pois não é que (coincidência ou não) ano passado versejei (urgh!) "A Lira dos 55 anos". Tá lá no meu blog, passa lá.
Abraço forte.
lalo
Anônimo disse…
Que bom que uma das cadeiras perdidas em seus 50 anos de trajetória volta a ser preenchida por mim que, no mundo virtual e desse vai-e-vem da vida, consegui encontrar seu voo e sentar-me na fileira de seus amigos seguidores.
Sorte a minha; Parabéns para você, Ricardo
vida de cão disse…
a cadeira, ex-vazia, agora é cativa neste blo e está ocupada por mim, sua amiga do DGABC
Eba!!

50!!!

Tudo de mais maravilhoso a ti!

Me pai também fez 50 dia 5 deste mês. É geminiano como você!

Disse a ele o seguinte e vou dizer a você: Que eu possa fazer 50 anos com essa mesma dignidade, verdade, cautela e paciência que você tem!

Saudações
Torresma disse…
Está perdido? Ah!!! tem um outono carioca lindo te esperando!! Tanto faz estarmos no Leme ou na Lapa...o que importa, cinquentão, é sempre achar um sorriso nas coisas simples da vida, vivermos as surpresas de cada dia e termos paz em nossos corações suburbanos.Um beijo muito carinhoso,
Torresma
Grandona disse…
Aqui no Rio uma amiga minha de Copacabana, blogueira,adora seu blog. Outra é sua subordinada na Tv Brasil e lhe admira. Curiosa , fucei sua vida e seu blog e te digo : se eu gostasse de homem você estava frito ! Corria atrás de você cinquentão ! Deixa de ser bobo porque ainda tem muito para viver. E aproveite.
Márwio Câmara disse…
E aew, Ricardo? Achei seu blog, por acaso, em minha spesquisas no Google e cahei bastante interessante. Também sou escritor e serei também seu colega de profissã rso, já que estudo jornalismo na faculdade (passando para o quarto período).
Bacana saber que vc produziu o programa 'Mundo da literatura', o qual eu gostava muito. Passava na TVE BRASIL, que agora é Rede Brasil.
Parabéns aêw pelos seus 50 anos! Dá um pulo depois no meu blog. Escrevo matérias ligadas à cultura e entretenimento em geral.
Recentemente, fiz uma entrevista com uma colega sua de emissora. a Fernanda Honorato (primeira reporter brasileira com Síndrome de Down), dá uma conferida lá.
Estarei te adicionando na lista de 'Blogs interessantes' do meu blog.
Abraço!

http://imprimirpalavras.blogspot.com
Dagomir Marquezi disse…
Comuno-lomba: meus mais sinceros parachoques para você. Do alto dos meus 56, só posso dizer que a partir de agora a viagem deve ficar ainda melhor. Cuide-se bem. Abraço do seu amigo macho.
Ricardo Soares disse…
a resposta coletiva vai ser de um lugar comum lamentável , mas não há como fugir : diante de tanto carinho explicito aqui manifestado pelos meus cinquentinha só posso dizer que vale a pena continuar tentando apesar do desânimo às vezes bater na porta, ou bater à porta. A semântica às vezes revela nosso real estado de espírito. Eu continuo... beijos e abraços a todos os que aqui levantaram e muito (com amor&Cia)a minha moral...

Postagens mais visitadas