televisão e muita violência


Muito se discute sobre o tema, acadêmicos secam a saliva tergiversando sobre o assunto,alguns comunicadores como Jô Soares acham que violência na tv não induzem a violência real. O fato é que se você se dá ao luxo de um dia em sua vida dar uma passada na atual  programação vespertina da tv aberta fica chocado com o que vê. A banalização da violência chegou a graus extremos pelas tardes televisivas com amplo repertório de imagens e palavras impensáveis em décadas passadas. Assassinatos a sangue frio, linchamentos, tiros a queima roupa, helicópteros sobrevoando tragédias, casais trocando sopapos e agressões verbais, babás espancando bebês  e toda sorte de bárbaries. Evidente que aqui não defendo censura de nenhuma forma. Mas responsabilidade, decência, ética dos homens que montam e conduzem as grades de programação de nossas emissoras. Como podem achar que isso seja edificante ? como podem desprezar tanto a civilidade em nome da audiência ? Sei que meu argumento é pueril no meio do vale tudo em que vivemos mas confesso que com quase 33 anos de profissão nos meios de comunicação ( sendo quase 23 só de tv) fico envergonhado com o que tantos colegas de profissão advogam como "nornal". Onde está nossa responsabilidade ? que tipo de cidadão-telespectador estamos formando com tanta banalização da idiotia ? Eu me confesso profundamente envergonhado e acho dificil que esse tipo de comportamento padrão de nossa tv não deixe sequelas no futuro.

Comentários

Luiz Galvão disse…
Concordo muito com vc meu seleto jornalista.É exatamente por esse e também outros motivos "semelhantes", que resolvi investir em novos estudos sobre mídia. Depois de 25 anos trabalhando em Tv me sentia sufocado..(e sem os companheiros de outrora para desabafar..ou argumentar). Um dos primeiros livros que li no início da pós em 2007 foi "Por uma outra comunicação" Mídia, mundialização cultural e poder.(Dênis de Moraes.org)com textos de Jesús M. Barbero,J.Arbex, Benjamin Barber, Naomi Klein, Ignacio Ramonet, Lévy, Castells, etc..Uma boa quebra de paradígmas..e me sinto bem melhor..apenas evito ver tv. abraços.
Olá Ricardo, bom dia

Este assunto sem dúvida gera muita reflexão e discussão entre as pessoas, e como já escrevi sobre isso, deixo o link deste texto, evitando assim um comentário longo por demais aqui.

http://mundiota.blogspot.com/2008/01/tv-influencia.html

[]´s

Postagens mais visitadas